como abrir uma franquia como abrir uma franquia

Como abrir uma franquia: entenda como funciona todo o processo

7 minutos para ler

O empreendedorismo está crescendo no Brasil. Segundo o Global Entrepreneurship Monitor (GEM), mais de 50 milhões de pessoas exercem alguma atividade empreendedora. E, sem dúvida, muitas delas encontraram o melhor caminho abrindo uma franquia.

Você já pensou nessa possibilidade? Sabia que existem opções de franchising de baixo investimento e lucrativas? Neste artigo, descrevemos em detalhes o passo a passo sobre como abrir uma franquia e explicamos as vantagens desse modelo de empreendimento. Acompanhe!

Quais as vantagens de abrir uma franquia?

A principal característica do modelo de franquia é o fato de que o empreendedor não precisa criar um negócio do zero. Seguindo o padrão de qualidade e o formato de trabalho da franqueadora, ele irá entregar os produtos e serviços de uma empresa já consolidada no mercado.

Ao abrir uma franquia, o franqueado recebe todo treinamento e suporte necessários para fazer a gestão completa do empreendimento. Isso pode incluir seleção de funcionários, processos, atendimento, captação de clientes e outras necessidades, que podem variar conforme o segmento.

Isso significa que, além do seu próprio empenho, você poderá contar com o apoio da franqueadora na busca pelos resultados e pelo consequente sucesso do negócio.

Por que a franquia é uma opção mais segura para iniciar seu próprio negócio?

Sendo assim, a franquia é uma ótima opção de investimento, tanto para quem está começando a empreender, quanto para quem já possui alguma experiência e quer diversificar seus negócios.

Por falar em diversificação, o mercado de franquias oferece uma grande variedade de marcas, produtos e serviços, o que permite que você escolha o que melhor se encaixa no seu perfil.

Outra grande vantagem é que você terá acesso a todas as informações comerciais sobre a franquia antes de fechar negócio. Isso porque esses dados devem constar na Circular de Oferta de Franquia (COF) — documento sobre o qual vamos falar mais adiante.

Logo, como qualquer empreendimento, abrir uma franquia poderá ter alguns riscos. No entanto, o acesso aos seus resultados financeiros e o fato de se tratar de um negócio já testado e aprovado por clientes e consumidores são fatores que minimizam as chances de dar errado e garantem mais segurança a esse tipo de negócio.

Leia também: 6 vantagens de abrir uma franquia

Como abrir uma franquia: 4 passos para você empreender com segurança

Empreender com o modelo de franchising é, evidentemente, diferente de começar uma empresa do zero. O processo envolve alguns detalhes importantes e, por isso, preparamos um passo a passo sobre como abrir uma franquia sem medo de errar. Confira!

1. Defina um nicho de mercado

O primeiro passo é escolher um ramo de atividade. O ideal é que você tenha alguma afinidade com o segmento e, preferencialmente, que ele tenha boas perspectivas de crescimento. Já estar atuando ou ter alguma experiência no ramo não é fundamental, mas, com certeza, pode fazer muita diferença.

Por exemplo, se você trabalha no setor de transportes, já tem bastante familiaridade com o setor de entregas e logística, então, poderia buscar uma franquia nessa área.

2. Escolha um produto ou serviço

Com um nicho definido, já é possível focar apenas nas empresas daquele segmento, o que já elimina algumas possibilidades e facilita a sua decisão. Pense nessa escolha como se fosse se candidatar para uma oportunidade de emprego. Você não pode considerar apenas o salário, é preciso ter os requisitos para a vaga, correto?

Com a franquia é a mesma coisa: não dá para levar em conta apenas o valor do investimento ou a promessa de faturamento. É preciso que você tenha o perfil solicitado pela franqueadora e, principalmente, se identifique com o produto e com a forma de trabalho da empresa.

3. Pesquise sobre a reputação da marca ou empresa

Existem ofertas de franquias realmente muito atrativas. Entretanto, você não deve se basear apenas nas informações disponíveis no site da empresa. Por isso, a dica sobre como abrir uma franquia aqui é: dedique um tempo para pesquisar um pouco mais a fundo.

Uma boa dica pode ser dar uma olhada em avaliações de consumidores e nas redes sociais. Além disso, procure também conversar com pessoas que já são proprietárias da mesma franquia para averiguar se as informações batem.

4. Exija a Circular de Oferta de Franquia e o contrato de franquia

De acordo com a lei 13.966/19, que regulamenta o franchising no Brasil, todas as empresas devem apresentar ao franqueado a Circular de Oferta de Franquia e o contrato de franquia. Esses dois documentos devem ser avaliados com todo cuidado antes do fechamento do negócio.

Veja o que deve ser contemplado em cada um deles, pois este é um passo muito importante do guia sobre como abrir uma franquia:

Circular de Oferta de Franquia (COF)

Todos os valores que envolvem o custo total de uma franquia, bem como as taxas adicionais ou periódicas, devem estar especificados na COF, além de muitas outras informações. Confira alguns dos itens que devem constar no documento:

  • Breve apresentação com histórico da empresa;
  • Qualificação da franquia e outros negócios relacionados;
  • Descrição detalhada das atividades da franquia e do franqueado;
  • Balanços e demonstrativos financeiros da empresa nos dois últimos anos;
  • Valor total do investimento;
  • Valor da taxa de franquia e instalações;
  • Remuneração periódica pelo uso do sistema e da marca (royalties);
  • Detalhes sobre suporte, supervisão de rede e serviços oferecidos ao franqueado, como treinamento, canais de atendimento e outros.

Além disso, vale sublinhar que a COF deve ser entregue ao franqueado pelo menos dez dias antes da assinatura do contrato.

Contrato de franquia

Já o contrato de franquia é um documento que deve informar os direitos e deveres do franqueado e da franqueadora, além de deixar claras as informações privilegiadas sobre a operação da empresa.

Apesar de ser mais simples do que a COF, o contrato é o mais importante, pois possui validade legal. Portanto, é fundamental ler com atenção os dois documentos e, se possível, contar com a opinião de um advogado antes de assinar.

IS Entrega: oportunidade atrativa e de baixo investimento na área de entregas

A IS Entrega atua desde 2003 com a missão de simplificar os serviços de entrega no Brasil, facilitando a conexão entre as empresas, unidades de negócio e clientes em qualquer parte do Brasil.

A empresa é líder no transporte de malotes e pequenos volumes no país e, com o objetivo de ampliar a malha logística e a sua presença nacional, anunciou recentemente um processo de seleção de franqueados locais para abertura de franquias.

A franquia da IS Entrega tem um investimento inicial acessível e possibilita que os empreendedores iniciem os seus negócios com financiamento. Além de todo suporte para abertura da unidade, os franqueados têm exclusividade na atuação em sua região e contam com clientes desde os primeiros dias do negócio.

Você gosta de atender clientes e quer ser dono do seu próprio empreendimento? Clique aqui para saber mais sobre o nosso modelo de franquias!

Posts relacionados

Deixe uma resposta