Como otimizar a logística interna das empresas?

7 minutos para ler

Diante da relação íntima dos processos de entrega com a satisfação dos consumidores, otimizar a logística interna das operações tem sido um dos tópicos de maior atenção das empresas na atualidade. Hoje, os clientes não estão interessados apenas na qualidade do produto, mas também que ele chegue rápido, sem avarias e com o menor custo possível.

Para tanto, além de contar com profissionais capacitados e sistemas de automatização de tarefas, é preciso desenvolver boas estratégias para conquistar um trabalho positivo e superar as armadilhas que podem atrapalhar a performance da cadeia de suprimentos.

O desafio não é simples, mas, para ajudar a potencializar o seu departamento logístico, vamos dar algumas dicas que certamente trarão mudanças significativas para o sucesso do seu negócio. Siga a leitura e confira!

Qual a importância da logística interna?

A logística interna é um aspecto essencial para a sobrevivência de todos os tipos de organizações, pois contribui para que a empresa se torne mais produtiva e, ao mesmo tempo, consiga reduzir gastos sem que seja preciso cortar investimentos.

Quando bem desenvolvida, a logística interna garante um fluxo de trabalho sincronizado, que consegue atender às expectativas e personalizações do mercado. Em resumo, contar com uma logística interna otimizada é proporcionar o crescimento necessário para um melhor posicionamento no mercado.

Quais os problemas logísticos mais recorrentes em uma empresa?

No dia a dia de um empreendimento, são inúmeras as complicações que podem surgir e se tornar algo recorrente, ocasionando muito prejuízos. A seguir, veremos alguns dos problemas mais comuns e como se precaver.

Controle de estoque

Encontrar um ponto de equilíbrio no gerenciamento de estoque é, sem dúvidas, um dos principais desafios de uma organização. Isso porque, embora a regra seja manter o mínimo de produtos nos armazéns, é preciso cobrir a demanda do mercado, inclusive aquelas que não foram planejadas.

Por isso, o ponto de partida para evitar que uma grande parte do seu capital de giro fique parada, ou pior, que falte produtos nas prateleiras, é fundamental pautar a atuação desse setor:

  • no compartilhamento de informações seguras sobre as vendas;
  • no cálculo de todas as situações que podem alterar esses números das vendas no futuro;
  • no treinamento dos colaboradores.

A partir de tais medidas, pode-se compreender melhor os itens que apresentam maior ou menor giro. Para que esse controle seja mais efetivo, é indicado o investimento em sistemas de gestão que integrem a base de dados da empresa.

Processos mal definidos

Outro fator que interfere negativamente no dia a dia das operações logísticas é a falta de processos bem definidos. Se não existe um cronograma a ser cumprido e os funcionários não têm consciência de como devem ser executadas suas atribuições, o resultado é comprometido.

Nesse contexto, para evitar a perda de tempo e dinheiro, é fundamental elaborar um planejamento dos seus objetivos, metas e níveis de qualidade pretendidos para, a partir daí, traçar as estratégias necessárias para alcançá-los.

O plano vai possibilitar o alinhamento dos colaboradores com a perspectiva do empreendimento — eles não conseguirão atingir uma performance de excelência se não trabalharem com metas claras.

Ausência de indicadores de desempenho

Ao contrário do que muitos gestores podem imaginar, a falta de indicadores de desempenho também é um grande obstáculo à eficiência do setor logístico. Eles são ferramentas aptas a mostrar os procedimentos que vão bem ou as falhas que devem ser consertadas.

Para chegar a um resultado fidedigno, cada instituição precisa adotar KPIs (Key Performance Indicators) que reflitam os valores estratégicos da empresa. Contudo, existem três critérios que são indispensáveis: os custos operacionais, o nível e a qualidade do serviço.

Se, ao mensurar as equipes logísticas, perceber que a etapa de separação dos pedidos requer mais agilidade, alguma atitude deve ser tomada em relação a isso — seja o investimento em tecnologia, na capacitação dos colaboradores etc.

Quais as principais formas de otimização e seus respectivos benefícios?

Organização

A atividade logística engloba uma cadeia de eventos como: compra, recebimento, armazenagem, separação de pedidos e despacho da mercadoria. Enfim, uma série de atos que, quando integrados da maneira correta, têm o poder de gerar competitividade para o negócio.

Nesse cenário, o planejamento se apresenta como a solução para sanar qualquer problema na rotina de funcionamento da empresa, tendo em vista que promove a avaliação de todas as áreas, reposicionando as operações de cada setor da forma ideal para que as metas sejam atingidas.

Mapeamento de processos

O mapeamento de processos é um dos grandes aliados da gestão logística eficiente, pois é responsável por direcionar o trabalho de todos os envolvidos da forma mais adequada, bem como preparar o ambiente para lidar com a prevenção de perdas.

Como os procedimentos logísticos são dinâmicos e passam por constantes atualizações, além de contar com um roteiro de ações bem estruturadas, também é importante que eles sejam revisados periodicamente.

Tecnologia

Uma das melhores maneiras para tornar a logística interna bem-sucedida é apostar nas vantagens que as tecnologias têm a oferecer. Com a automatização das atividades, ganha-se não somente em agilidade, mas principalmente na redução dos erros cometidos.

São inúmeros os recursos disponíveis no mercado que podem ser aplicados aos mais variados tipos de funções. Ademais, a incorporação das tecnologias libera gestores e funcionários para focar seus esforços no core business.

Como uma empresa especializada pode ajudar a otimizar a logística interna?

A assistência de quem tem experiência no assunto é a melhor forma de otimizar a logística interna de um empreendimento. Quem lida exclusivamente com essa área tem um preparo muito maior, está por dentro de todas as inovações e carrega uma bagagem de outros casos de sucesso.

Com um time de especialistas altamente qualificados, frota dedicada e o que há de mais moderno em recursos tecnológicos, a IS Entrega realiza a logística interna ideal para os seus clientes com o máximo de eficiência e personalização.

A empresa possui mais de 15 anos de experiência no mercado. Além dos procedimentos de entregas e coletas em todo o território nacional, os serviços são estruturados da melhor forma para maximizar os resultados obtidos, sempre prezando pela transparência.

Otimizar a logística interna é um objetivo que sempre deve acompanhar os empreendimentos que desejam manter o alto nível de qualidade da sua cadeia de suprimentos e, consequentemente, ganhar destaque no mercado. Quando ela é bem conduzida e tem a seu favor o uso de novas tecnologias, os resultados positivos acontecem naturalmente.

transporte de malotes em todo brasil

Gostou do artigo? Agora que você já sabe como a boa gestão da logística interna pode fazer a diferença nos resultados da sua empresa, descubra como a IS Entrega pode ajudar nessa missão.

Posts relacionados

Deixe uma resposta