Correios em greve? Veja como não deixar afetar o seu negócio

3 minutos para ler

Se você trabalha com e-commerce, certamente já andou preocupado com os funcionários dos Correios em greve, não é verdade? As consequências das paralisações são bastante severas em muitas empresas, afetando seu funcionamento e, principalmente, a sua relação com o cliente.

Por isso, se você não quer sentir no bolso os resultados da greve dos Correios, fique conosco e confira dicas incríveis que ajudarão você a lidar com essa situação da melhor maneira. Boa leitura!

Seja transparente com os clientes

Quando se trata dos Correios, a população é rapidamente notificada sobre as greves. Por isso, é extremamente importante evitar a tentativa de mascarar o problema. O próprio atraso na entrega já é algo bastante prejudicial. Assim, negar esse contratempo pode afetar ainda mais a credibilidade do negócio.

Seja franco com o cliente, informando os prováveis atrasos e atendendo às suas necessidades. Nem todos os casos são urgentes, mas, quando forem, certifique-se de garantir para o consumidor que o produto chegue até ele na data prevista ou o mais rápido possível. Isso é essencial para conquistar a confiança no seu negócio.

Procure um serviço de entrega

Ter apenas um tipo de entrega é um erro que pode custar caro para a sua empresa. É interessante também contratar outras opções de serviços. Dessa forma, mesmo que os Correios parem, você consegue cumprir os prazos informados para o cliente no momento da compra.

Além de ser uma carta na manga nos casos de greve, essa solução abre um leque de oportunidades. Dependendo do volume de mercadorias e da transportadora, sua empresa ainda poderá contar com descontos e vantagens importantes ao contratar um serviço de entrega.

Ajuste os prazos

As entregas informam uma previsão de prazo de recebimento da mercadoria de acordo com a infraestrutura logística. Quando algo nessa equação é alterado, os prazos também sofrem mudanças. De modo geral, imprevistos acontecem e é impossível controlá-los.

No entanto, você pode buscar alternativas para solucionar o problema, ajustar os prazos e reprogramar a entrega. É interessante manter o cliente informado sempre que alguma mudança assim ocorre.

Ofereça frete grátis

Como você já viu, a greve dos Correios e o consequente atraso nas entregas podem afetar a credibilidade da sua empresa com os clientes. Por isso, é importante prezar pela satisfação do público. Em alguns casos, o frete grátis não é bem-vindo pela empresa. No entanto, ele pode ser bastante útil nessas situações específicas.

Quando o cliente descobre que o prazo da sua entrega foi estendido, ele pode se sentir bastante insatisfeito. Um frete grátis, nesse caso, pode deixar o destinatário mais flexível e compreensivo em relação ao fato de o atraso não ser uma escolha ou falta de organização da empresa.

As greves não devem ser motivo para pânico nem para desorganização, pelo contrário. São nesses contratempos que a empresa deve demonstrar que está preparada para arcar com suas responsabilidades, adotando alternativas seguras e eficazes.

Além disso, a greve não afeta apenas o seu negócio. Assim, as pessoas acabam se tornando mais tolerantes e reconhecendo os motivos pelos quais as entregas acabam atrasando.

transporte de malotes em todo brasil

Você gostou das dicas sobre como contornar a situação dos Correios em greve? Então, que tal compartilhar este post nas redes sociais e ajudar outras pessoas a solucionarem esse problema?

Posts relacionados

Deixe uma resposta